Documentários: Blackfish - Fúria Animal


Oi pessoal, como estão?! 


Hoje eu vou falar de um documentários que assisti á muito tempo, e morria de vontade de trazer para vocês. Só que eu ficava um pouco com o pé para trás pois não sabia se iria ser interessante, e também porque pelo menos, me deixou muito triste e chorosa. Mas acho super legal, pois alerta, mostra a realidade que apesar de você achar fofo os animais que vivem em zoológicos e parques, tem algo muito maligno por trás.
Blackfish: Fúria animal é um documentário sobre as orcas do SeaWorld e de outros parques. Apesar de mostrar outras orcas, outras pessoas que foram envolvidas em casos semelhantes, o foco principal é Tilikum a orca assassina do SeaWorld que é acusado de matar 3 pessoas, sua última vitima foi a sua treinadora Dawn Brancheau durante um show do parque. Aviso que será breve a postagem, não quero entrar em detalhes porque gostaria muito que vocês assistissem, mas vou falar o que se passa nele para "preparar" o emocional, e deixar um desejo de assistir esse ótimo documentário! Estou tirando informações de outro site e deixarei no final para quem quiser ler algo mais detalhado,ok?!

*Tilikum em uma apresentação, foto retirada do google imagens.

   No documentário mostra como é a captura desse enormes animais, algo que é muito cruel. Eles até conseguiram fazer entrevista com um dos homens que estavam lá durante a captura e um dos comentários dele á respeito disso foi: "Capturar aquela orca foi a pior coisa que fiz na vida. Foi como tirar uma criança dos braços da mãe, diz o mergulhador John Crowe.  Tilikum foi capturado de sua família aos 2 anos de idade, e viveu desde então nos tanques de parques aquáticos, convivendo com outros animais que apesar de serem da mesma espécie tinham "personalidades" diferentes. 

   Tilikum após passar um tempo no zoológico marinho da Islândia, foi vendido para o parque aquático Sealand, onde viveu com outras duas fêmeas (maiores que ele). O treinamento deles era bastante negativo, pois quando Tilikum fazia algo de errado, nenhuma das três orcas ganhava comido, assim as duas outras fêmeas acabavam descontando a raiva delas nele, atacando e o machucando por isso, ficava cheio de arranhões e dentadas.
   Ele também sofria pois o local onde ele ficava para dormir era muito pequeno e escuro 6x9 metros, e quando cresceu acabou ficando bem apertado para ele se movimentar lá onde passava horas por lá. Tilikum acabou crescendo muito e se tornando um gigante pois tinha o dobro do tamanho das outras orcas do Sealand, chegando aos 5,5 toneladas. E foi lá no Sealand onde aconteceu a primeira morte relacionada ao Tilikum (1991), e também as outras duas fêmeas Nootka e Haida. Uma treinadora de 20 anos, ao cair na piscina durante uma apresentação, foi usada como brinquedo das orcas e acabou morrendo afogada. No documentário há uma entrevista com duas irmãs que estavam no show e lembraram o que tinha acontecido, e revelaram coisas que na época não tinha saído.
  Após o escândalo, Sealand fechou as portas e passou suas orcas para o parque SeaWorld em Orlando. Uma estrutura melhor comparada ao outro parque, mas o confinamento era o mesmo, então com várias criticas por causa das capturas de animais, resolveu fazer reproduções em cativeiros, e mesmo Tilikum tendo esse histórico de agressivo, era valioso pois era considerado um bom reprodutor, tornando-o assim pai de vários filhotes no parque (sim, tem imagens disso). 


*A primeira linha de orcas são fêmeas que tiveram filhotes do Tilikum, pelo menos pelo o que eu entendi.

8 anos após a primeira morte que envolve Tilikum, um rapaz resolve se esconder no SeaWorld e esperar fechar, durante a noite resolve tomar um banho nos tanques com uma orca. Foi encontrado morto no dia seguinte na boca do Tilikum, algo que foi questionado no filme, pois não há relatos de vídeos e fotos da situação, e mostra que o SeaWorld tem várias câmeras dentro e fora dos tanques, e ninguém o viu lá. Mas como Tilikum não é a única orca que teve problemas com agressividade. várias outras tiveram relatos. Outra que há vídeos no youtube e mostra no documentário, é o do treinador Ken Peters e sua orca Kasatka, que durante um show sem motivo, agarrou o pé do treinador e puxou para o fundaodo tanque diversas vezes, depois subindo deixando-o respirar, largou um pé e agarrou o outro e repetiu o ato. É comentado que tanto o treinador que sabia que a orca iria puxar-lo novamente e estava se preparando para isso ao invés de bater e tentar fugir, quanto a orca que deixava ele respirar e não machucava ele de uma forma para matar. Após ter sido afundado três vezes pela orca, conseguiu sair mas com ferimentos em ambos os pés. 
Após esses acidentes com Tilikum, poucos tiverem permissão para treinar-lo e um desses treinadores era a Dawn Brancheau de 40 anos, que morreu durante umas das apresentações com Tilikum, onde ela se agacha na beira da piscina e se aproxima do rosto de Tilikum, que agarra a treinadora e arrasta ela para o funda da piscina. Ela morreu afogada, mas teve o corpo esmagado por ele, e seu braço foi engolido por ele. Após isso SeaWorld sofreu muitas acusações e ainda sofre, processos, e muito mais. Que eu saiba Tilikum ainda está lá, o que eu não tenho certeza e não encontrei, foi se ele ainda se apresenta, mas os shows com as orcas ainda continua.
 No documentário é mostrado vários outros acidentes, você encontra muitos pelo Youtube, mostra várias coisas que acho interessantes de saber. Mas uma coisa que é hipocrisia, pelo menos da minha, é que eu sempre tive vontade de ir para ver esses animais que acho que nunca vou poder ver normalmente, mas sou contra o cativeiro deles, principalmente quando são usados como animais de circo ou para apresentações assim. Por isso disse que apesar de ser fofo, á coisas muito cruéis por trais disso.

Acho que dei várias informações sobre o documentário, que apesar de eu ter visto ele duas vezes, retirei várias informações do site Planeta Sutentável para me guiar. Espero que assistam pois é legal ter esse conhecimento, pois voce^percebe o quanto esse tipo de coisa é errado, e eles dão muitas informações mesmo pois NÃO HÁ RELATOS DE MORTES CAUSADAS POR ORCAS NA NATUREZA. Para ser mais detalhista, chamar as orcas de baleias assassinas por causa do filme já é errado, ainda mais pois na verdade elas não são baleias, elas são praticamente golfinhos gigantes então! 



Espero que tenham gostado, e já sabem né?! Gostou do blog, torne-se membro, curta a página e se divirta com o que tem ali do lado (tem muitas coisas legais dá uma olhada!)

Obrigada pela atenção, até a próxima 

POSTAGEM ANTERIOR                                                                                 PRÓXIMA POSTAGEM

Bruna Andrade

Quem vos escreve é uma pessoa muito interessada em fazer com que os leitores amem o que estão lendo, então imaginem que tipo de pessoa eu sou...

18 comentários:

  1. Gostei muito do blog, posts bastante interessantes.
    Segui, deixo aqui o meu mais recente projeto para que possas dar a tua opinão e uma vista de olhos, http://umavidadelontra.blogspot.pt/2015/06/o-teatro-1.html

    Beijinhos da Lontra <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz por isso, muito obrigada ♥
      Ok, vou ir lá dar uma olhadinha haha *-*

      Excluir
  2. Adorei o post, e principalmente o blog! Com coisas geeks *-* Bjs e muito Sucesso!
    http://mylittlerworldma.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Muito interessante mesmo, vou ver o documentário assim que tiver tempo. Até me deu vontade de pesquisar se existem ongs em lutam contra isso.
    Adorei teu blog!
    http://correndosozinha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha achado isso. Vê sim! Aqui no Brasil não sei, mas acho que tem até petições internacionais querendo libertar o Tilikum!
      Obrigada *-*

      Excluir
  4. Nossa Bruninha,
    que postagem interessante,
    vou dar uma pesquisada e descobrir mais =)

    Beijos BlogSemDrama.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado! Sim faz sim *-*

      Excluir
  5. Que post mais completo, abrangeu bem o documentário, uma triste realidade, eu que sonhava em ir ao SeaWorld hoje só espero que eles libertem todos os animais que sofrem lá...
    florescermenina.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado, obrigada! Sim muito triste, gostaria tanto de ajudar esses animais :c

      Excluir
  6. Menina do céu
    lembrei de quando eu li moby dick :I
    é tão dark né ? :/ super chato mas interessantissimo a postagem!
    ja seguia seu blog hehehe sou do face rsrs
    Um beijo!
    Pâm - www.interruptedreamer.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca li Moby Dick, mas deve ter sido interessante. É bem triste o que acontece lá :c Muito obrigada, ae?! *o*
      Obrigada ♥

      Excluir
  7. Nunca ouvi falar desse comentário, mas fiquei muito interessada. As pessoas esquecem que animais não são objetos, são criaturas vivas com personalidade e instinto. Não se pode tirar um animal de seu habitat natural e depois colocá-lo como culpado quando incidentes do tipo acontecem. É o que eu acho. Parabéns pelo post e pela indicação, com certeza vou procurar saber mais a respeito.

    Se quiser dar uma conferida no meu blog, o link é esse:

    http://nostalgiacinza.blogspot.com.br/
    Fanpage: facebook.com/nostalgiacinza

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha conhecido aqui, quando assistir me conta! Sim sim, ainda mais quando os obrigam a fazer apresentações, ficar pulando, carregando as pessoas, dentro de lugar pequeninos. Né, o pior que tentaram culpar a treinadora que morreu, que foi culpa dela, Tilikum não foi culpado pois queriam que ele continuasse lá, tanto que ele ainda se apresenta, mas apenas no final do show, e fica sozinho em uma banheira pequena para ele, uma tristeza. Muito obrigada, procure sim!
      Sim sim, pode deixar!

      Excluir